VEJA E OUÇA A DEFESA FERVOROSA DO SEGUIMENTO GLS GLBT GLBTT NA VOZ TROVEJANTE DO AMIGO BOCA ABERTA

Loading...
Mande suas críticas e sugestões
amigobocaaberta@gmail.com

terça-feira, 29 de setembro de 2009

TRAVESTIS E TRANSEXUAIS FARÃO DOAÇÃO DE BRINQUEDOS A CRECHE CATÓLICA


Desde 2006 o Transgrupo Marcela Prado, organização de defesa e promoção da cidadania e da saúde para Travestis e Transexuais, arrecada brinquedos na campanha “Solidariedade Trans – Faça uma Criança Feliz”.As doações arrecadadas serão distribuídas para as mais de 250 crianças da creche Centro Vicentino Santa Luzia. A creche é administrada pelas irmãs Filhas da Caridade.A campanha tem o objetivo de contribuir para com o bem-estar de crianças carentes, que vivenciam situações de exclusão e abandono, sentimentos muito próximos aos sentidos pelas Travestis e Transexuais informou a Central de Notícias Gays.Este ano as doações de brinquedos ou livros infantis poderão ser feitas durante a Parada da Diversidade GLBT de Curitiba que será realizada no dia 27 de setembro ou na sede do:Transgrupo Marcela Prado transgrupomarcelaprado@yahoo.com.br

Avenida Marechal Floriano Peixoto, 366 - Sala 47Curitiba - PR41 3222 3999 A campanha é realizada em parceria com as ONGs: Artemis, APPAD, CEPAC, Dom da Terra e Grupo Dignidade.

BRASÍLIA - BEIJO ENTRE HOMOSSEXUAIS VIRA CASO DE POLÍCIA NA ASA SUL


Cinco amigos atores — todos homossexuais — sentaram-se a uma mesa de bar. Um beijou a face do outro como demonstração de carinho. A atitude causou irritação no proprietário do estabelecimento, que pediu que os jovens se “comportassem” enquanto permanecessem no local. A intimidação constrangeu os rapazes e eles se retiraram do espaço. A noite que deveria ser de diversão terminou na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), com o registro de uma ocorrência sobre ofensa ao direito à personalidade, garantido pela Constituição Federal informou o Correio Brasiliense. As vítimas não formam um casal homoafetivo. Jonathan Andrade, 27 anos, e Eduardo Dutra, 25, são amigos. Na última quarta-feira, eles escolheram o Bar Leblon, na 208 Sul, para uma conversa regada a chope. Chegaram às 23h e pediram as bebidas. Antes mesmo que elas fossem servidas, Eduardo abraçou o amigo Jonathan e afirma ter lhe dado um beijo no rosto. Em menos de 10 minutos de permanência do grupo no bar, o gerente José Geraldo Vieira aproximou-se educadamente e pediu que os dois não se abraçassem ou se beijassem enquanto estivessem no local. A repressão causou indignação nos jovens. Eles se levantaram e acompanharam o gerente que se retirava após passar a mensagem. Queriam saber qual era o problema em manifestar afetividade em um espaço aberto ao público, como um bar. “Dava para perceber o constrangimento do gerente ao fazer o pedido. Parecia uma recomendação do superior dele”, observa Dutra. Durante a conversa, Pedro Diniz, 27, um dos três proprietários do estabelecimento, apareceu e convidou os jovens a continuar aquela conversa na calçada do lado de fora do bar, distante das mesas de clientes que assistiam a um jogo de futebol e ouviam música alta. “Fomos levados para fora do local e lá o proprietário disse que não queria esse tipo de atitude (beijo entre pessoas de mesmo sexo) no bar dele, como se estivéssemos fazendo algo errado”, revolta-se Eduardo, que tem uma relação estável com um homem há cinco anos. Nem Jonathan nem Eduardo sentem vergonha em assumir a homossexualidade. O imbróglio envolvendo o grupo de amigos teria se iniciado na sexta-feira, dia 18, quando eles comemoravam um aniversário no mesmo bar. “Naquela noite, um dos nossos amigos deu um ‘selinho’ no namorado”, lembra Jonathan. Os jovens acreditam que o dono do bar lembrou-se do episódio e quis evitar que se repetisse. Defesa A versão é confirmada por Pedro Diniz, que alega que beijos excessivos — tanto entre heterossexuais quanto homossexuais — são reprimidos. “Se fosse um casal de heteros desrespeitando os outros clientes, a gente também pediria para parar. Nosso público é familiar.” Diniz garante que não expulsou o grupo: “Só pedi que eles se comportassem de maneira adequada. Não posso perder 10 mesas por causa de uma”. A aversão a homossexuais — conhecida como homofobia — não é considerada crime no Brasil. No entanto, a discriminação contra raça, sexo ou gênero é crime de ofensa aos direitos da personalidade. “Todo e qualquer ato discriminatório deve ser terminantemente proibido. Se a atitude não foi nada que atentasse ao pudor de quem estava no local, ninguém tem o direito de recriminar. Eles são seres humanos e merecem respeito”, explica o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Jomar Alves Moreno. “A atitude cabe ação cível com direito a danos morais. Separar o local como ambiente familiar é outro erro. Homossexuais podem constituir uma família e adotar filhos”, completa. Professora da Universidade de Brasília e doutoranda sobre relações homossexuais, Suzana Viegas complementa que existe uma proteção sobre a orientação sexual das pessoas. “O artigo 3º, inciso 4º da Constituição protege todas as pessoas de qualquer forma de discriminação, seja ela gorda, magra, negra, branca, hétero ou homossexual. E o fato de eles não formarem um casal só mostra que a ação foi arbitrária. É preciso ter respeito ao princípio da dignidade.” O Núcleo de Atenção à Diversidade e Enfrentamento à Discriminação Etnorracial, Sexual e Religiosa (Nudim), da Secretaria Especial de Direitos Humanos do DF, acompanha há cinco meses episódios de preconceito na capital. “O órgão é novo e ainda não fizemos um levantamento da quantidade dos casos, mas estamos acompanhando e vamos verificar essa caso”, explica a chefe do núcleo, Carol Silvério.


TELEFONES Denúncias de discriminação sexual podem ser feitas para o Núcleo de Atenção à Diversidade e Enfrentamento à Discriminação Etnorracial, Sexual e Religiosa (Nudim) pelos telefones 0800 647 1407, 3322-9368 ou 3224-4898

ATRIZ DIZ QUE QUER SER SÍMBOLO HOMOSSEXUAL


A atriz Rachel Weisz disse, em entrevista à revista Vanity Fair espanhola de outubro, que quer se tornar um símbolo lésbico. “Quero ser um ícone lésbico”, disse na capa da publicação a atriz britânica. A vencedora do Oscar por O Jardineiro Fiel, em 2006, declarou que adoraria interpretar um personagem homossexual sério, algo como Ang Lee fez em O Segredo de Brokeback Mountain divulgou o site Mais Comunidade. Segundo uma pesquisa recente do tabloide inglês The Sun, ela é a atriz mais desejada pelas lésbicas. Rachel, 37 anos, ficou conhecida como Evelyn do filme A Múmia, em 1999.Ainda na entrevista à Vanity Fair, a atriz demonstra sua aversão à Los Angeles e à indústria de Hollywood. Para ela, o casal Brad Pitt e Angelina Jolie parece estar representando em público a história de sua vida privada. Rachel está no novo filme do diretor Alejandro Amenábar, Agora, considerada a produção espanhola mais cara de todos os tempos (algo em torno de 50 milhões de euros).

BISSEXUAL ASSUMIDA MEGAN FOX DIZ TER FICADA OBSECADA POR ATRIZ PORNÔ


A atriz Megan Fox soltou mais uma de suas "pérolas" em entrevista ao jornal italiano "La Stampa". A morena contou que revelou ter sido obcecada na juventude pela atriz pornô Jenna Jameson, considerada a "rainha" do gênero nos EUA publicou o Tititinet. "Quando tinha 18 anos, tive uma relação amorosa com uma stripper russa", disse a atriz, assumidamente bisexual, "e durante algum tempo, fui obcecada pela atriz pornô Jenna Jameson". Segundo a atriz, que abusa da sensualidade, "a sociedade acha escandaloso uma mulher falar de sensualidade e sexo porque a sociedade está baseada em princípios.

CAUÃ REYIMOND CIRCULA POR CLUBES GAY S DE SÃO PAULO PARA COMPOR PERSONAGEM


Você já viu por ai que Cauã Reymond está se preparando para interpretar um personagem gay nos cinemas. E o fofo está mesmo se dedicando à composição do papel. Cauã tem sido visto circulando em boates gays de São Paulo para já ir entrando no clima. O próprio ator afirmou que deu uma passadinha na The Week e no D-Edge no último fim de semana informou Gustavo Don. "Quero me aprofundar no assunto e parecer o mais real possível, tanto na maneira de me portar quanto de me vestir e conversar", revelou o gato. O filme que terá Cauã na pele de um homossexual será dirigido por Toni Ventura e terá ainda Dira Paes e Leandra Leal no elenco

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Ator John Barrowman revela que canal de TV pediu para que mantivesse homossexualidade em segredo


O assumido ator John Barrowman, que protagoniza a série Torchwood, falou sobre sua ira quando seus chefes disseram que ele deveria manter segredo sobre sua sexualidade. No Brasil, a série de ficção científica é exibida pelo canal People + Arts. Em sua autobiografia, chamada I Am What I Am (Eu Sou o Que Sou), publicada nesta segunda-feira, 28 de setembro, no Reino Unido, ele disse que foi aconselhado logo no início de sua carreira a fingir ser hetero se quisesse alcançar o sucesso. Barrowman revela que seus chefes mandaram um produtor gay dar o aviso a ele. Segundo o ator, o produtor disse: “John, nós estamos surpresos com o fato de você querer revelar ser homossexual. Nós achamos que isso pode mudar a maneira como as pessoas te veem”. Em resposta, o ator teria dito: “Eu realmente espero que você não esteja dizendo isso, porque eu não vou para o armário nem por você nem por ninguém". O ator não revela qual produtora de TV disse para ele ficar no armário, mas de acordo com o jornal The Times, ele já trabalhou para os canais britânicos BBC, ITV e Five, assim como os americanos CBS e NBC. Todos negaram que tenham pedido seu silêncio em relação a sua homossexualidade.

Parada de Curitiba reúne cerca de 120 mil pessoas pelo fim da intolerância


A Associação Paranense da Parada da Diversidade (Appad) estima que cerca de 120 mil pessoas participaram da Parada do Orgulho LGBT de Curitiba no último domingo, 27 de setembro. Nem mesmo a chuva forte espantou a multidão que exigiu direitos iguais e fim do preconceito e da intolerância contra os LGBT . "Só queremos uma coisa: respeito. Pagamos os nossos impostos, temos os nossos direitos. Não queremos destruir a família de ninguém, queremos construir a nossa", disse o presidente da ABGLT (Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais), Toni Reis, durante a manifestação.Sob o tema “Seus direitos, Nossos Direitos, Direitos Humanos”, a Parada deste ano, que começou na Praça 19 de Dezembro e terminou no Palácio Iguaçu, contou com seis trios elétricos. O final da festa, no entanto, foi na Praça Nossa Senhora de Salete, onde um palco foi montado para apresentação de bandas e drags curitibanas.

Bill Clinton muda de opinião e se diz favorável ao casamento gay e adoção por casais do mesmo sexo


O ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, declarou que mudou sua opinião a respeito do casamento gay e que hoje defende que os pares do mesmo sexo possam se casar civilmente em todo o país e possam, inclusive, adotar crianças.A nova postura de Clinton, que governou o país em dois madatos de 1993 a 2001, foi revelada durante entrevista a Anderson Cooper da CNN. “Eu estive a favor da emenda que bane o casamento gay em todo o país e eu ainda acho que os americanos devem poder decidir sobre isso em debates. Mas eu, Bill Clinton, particularmente mudei minha posição. Eu acredito que se as pessoas querem oficializar seus compromissos para uma vida inteira elas devam poder fazer isso. Eu sou amplamente a favor do direito de casais gays adotarem crianças”, afirmou o ex-presidente. Perguntado sobre o que fez ele mudar de opinião a respeito da adoção, por exemplo, Bill Clinton respondeu: “Eu nunca suportei todos esses movimentos, de alguns anos para cá, de banir a adoção por casais gays. Porque todas estas crianças estão procurando por uma casa e o padrão nos casos de adoção é, o que é o mais interessante para as crianças? E há vários casos onde o mais interessante para as crianças é deixar que os casais do mesmo sexo fiquem com elas e as deem uma casa com amor”, declarou.O ex-presidente ainda disse: “Eu tenho todos esses amigos gays, tenho todos estes casais gays amigos. E eu decidi que estava errado”.Além da mudança de opinião, Clinton também declarou no último mês que se arrepende de ter aprovado durante seu governo a política do "Don't Ask, Don't Tell", que proíbe homossexuais assumidos nas Forças Armadas. Durante seu mandato ele também aprovou a Lei de Defesa do Casamento, que proíbe o reconhecimento federal dos casamentos gays aceitos pelos Estados.

Lésbicas na Isto É


Revista mostra crescimento do segmento lésbico em setores da sociedade



A revista IstoÉ destaca em sua edição desta semana uma reportagem sobre a presença e a visibilidade de lésbicas em diversos setores da sociedade.Intitulada “No mundo das lésbicas”, a matéria, assinada por Verônica Mambrini, observa que, cada vez mais, as mulheres homossexuais “querem um espaço próprio, independente dos homens gays”. “Em muitas coisas, as mulheres homossexuais querem ser iguais aos homens gays: nos direitos civis e na aceitação social conquistados, por exemplo. Em outras, querem que suas diferenças sejam respeitadas e valorizadas. O que se constata quando se mergulha no mundo das lésbicas é que elas não querem abrir mão de um espaço próprio. Ou seja, não querem ficar a reboque dos homossexuais masculinos”, diz trecho da reportagem.Para exemplificar essa questão, a matéria aponta que a internet se tornou o espaço preferido desse público, que vê na rede uma forma de se comunicar e trocar experiências. Em entrevista à revista, a escritora Karina Dias, 30, conta que recebe dezenas de emails por dia de garotas que não sabem como lidar com a descoberta da sexualidade. "Eles vêm carregados de dúvidas e medos. Isso é um grande impulso para continuar escrevendo”, diz.A reportagem mostra também como a internet se transformou no principal veículo de troca e afirmação da identidade de mulheres lésbicas e bissexuais. Destaca ainda o trabalho da socióloga francesa Stéphanie Arc, autora de "As Lésbicas" (Edições GLS), que acaba de ser lançado no Brasil, para quem as lésbicas estão certas em tentar afirmar sua identidade dentro do movimento gay.A matéria mostra também por que o mercado editorial revolveu apostar no segmento lésbico, citando como exemplos a Editora Malagueta, de Laura Bacellar, e o selo Edições GLS, do Grupo Editorial Summus.Para ler a matéria na íntegra, clique aqui.

Cientistas comemoram resultados de vacina anti-HIV


Pesquisadores anunciaram nesta quinta, 24, que uma vacina experimental contra a Aids obteve resultados significativos. A vacina foi testada em mais de 16 mil pessoas na Tailândia e é resultado da combinação de duas outras versões antigas. De acordo com as autoridades, o risco de infecção entre os voluntários que receberam o medicamento caiu em 31,2%. Segundo o Ministério da Saúde tailandês, os resultados representam um passo importante para a criação de uma vacina comercial. Agências da ONU comemoraram os resultados, mas avisaram que ainda é preciso muito empenho nas pesquisas.

Festival do Rio elenca doze filmes em sua mostra Mundo Gay. Conheça-os e saiba como assisti-los


O Festival do Rio será aberto nesta quinta-feira, 24, e segue com intensa programação de filme até o dia 8 de outubro. Dentre os cerca de 400 filmes, entre longas e curtas, destaque para os da mostra de filmes gays, um clássico da programação. A Mundo Gay, como é chamada, traz desta vez onze longas, dois deles brasileiros. Abaixo a lista destes filmes com informações de quando e onde assisti-los.
Depois de TudoO filme é protagonizado por Ney Matogrosso e Nildo Parente. Eles possuem um relacionamento de anos, mas um é casado e tem filhos. Um amor sublime, verdadeiro, mas subjulgado pelas convenções sociais.


29/09 - Terça - Estação Ipanema 2 - 22h30:0030/09 -


Quarta - Est Barra Point 1 - 20h10:00 01/10/2009 - Quinta - Estação Botafogo 1 23h59:0003/10 - Sábado Cine Glória - 14h e 18hHomensO documentário mostra a vida de homossexuais e travestis moradores de minúsculas cidades do interior nordestino.03/10 - Sábado - Estação Botafogo 1 - 23h5906/10 - Terça - Estação Ipanema 2 22h3008/10 -


Quinta - Est Barra Point 2 16h15Boy O filme filipino é rodado em Manila, onde um poeta adolescente vai a um bar gay, onde passa a noite observando drag queens cantando e homens seminus dançando.


Em determinado momento se vê atraído pelo dançarino Aries, morador de uma área pobre da cidade. O rapaz decide, então, vender seu bonecos de ação e seus quadrinhos para conseguir pagar uma noite com o objeto de sua atração. Conseguindo o dinheiro necessário, compra o dançarino por toda a noite de Ano Novo. Enquanto os fogos explodem celebrando a virada, os dois jovens desenvolvem um relacionamento que nenhum dos dois sabe o quanto poderá durar.03/10 - Sábado - Estação Botafogo 1- 23h5905/10 -


Segunda - Cine Glória - 14h e 18h06/10 -


Terça - Estação Ipanema 2 - 22h30:0008/10 -


Quinta - Est Barra Point 2 - 16h15FúriaNos EUA não são poucos os políticos que, sendo homossexuais e integrando secretamente a comunidade, votam contra políticas em favor dos direitos gays, ou se engajam ativamente em campanhas contra a comunidade LGBT. Examinando o papel da mídia, que colabora para acobertar o fato, o documentário expõe o mal que estes homens de estado infligem à população por sua desonestidade pública. Lança luz ainda em questões como a psicologia por trás desta vida dupla, a ética envolvida em “sair do armário” diante de toda a sociedade e o tratamento dado pela mídia a personalidades que se assumem.25/09 -


Sexta - Estação Ipanema 2 - 22h30 26/09 -


Sábado - Cine Glória 14h e 18h27/09 - Domingo - Estação Botafogo 1 - 23h5929/09 -


Terça - Est Barra Point 2 - 20h15Morrer como um homemTonia, transexual veterana de Lisboa, vê seu mundo desmoronar. Seu posto de estrela na boate onde se apresenta é ameaçado por uma drag queen mais jovem, e seu namorado tenta convencê-la a fazer a cirurgia de mudança de sexo, que ela sempre negou por crenças religiosas. Para piorar, o filho que ela abandonou deserta o exército para procurá-la. Ao descobrir que seu corpo está doente devido a hormônios e silicone,


Tonia decide viajar para o interior na companhia do namorado. Lá, acabam se perdendo, e vão parar em uma floresta mágica. Um Certo Ol har do Festival de Cannes 2009. 01/10 -


Quinta - Est Barra Point 1 - 15h40 03/10 -


Sábado - Estação Ipanema 2 - 22h30 04/10 -


Domingo - Estação Botafogo 1- 23h59 05/10 -


Segunda - Est Vivo Gávea 4 - 15h20 e 20h10Sinos SilenciososO chinês Ricky e o suíço Pascal mudaram-se há pouco para Hong Kong, onde Ricky trabalha como garçom e Pascal como artista de rua, praticando pequenos roubos ocasionalmente. Um dia seus caminhos se cruzam e os dois imediatamente se apaixonam.

Quando Pascal é expulso de seu apartamento, eles passam a morar juntos. Anos mais tarde, no entanto, o relacionamento é interrompido pela trágica morte de Pascal. Devastado, Ricky decide viajar à Suíça. Lá, conhece Ueli, um homem fisicamente idêntico ao seu amante, mas de personalidade inteiramente diferente.

Festival de Berlim 2009.29/09 -


terça - Estação Botafogo 1 - 23h5901/10 -


quinta - Estação Ipanema 2 - 22h1502/10 -


Sexta - Cine Glória - 16h 02/10 - Sexta -

Cine Glória- 20h03/10 -

Sábado - Est Barra Point 2 - 20h15Os tempos de Harvey MilkHarvey Milk foi o primeiro homem abertamente homossexual a tornar-se supervisor municipal de San Francisco. O filme acompanha sua trajetória política, de quando era o simpático dono de uma loja de câmeras até tornar-se uma importante liderança local, porta-voz das minorias. Em 1978, Milk e o prefeito George Moscone foram brutalmente assassinados pelo colega Dan White, representante da classe média conservadora. Sua trágica morte revelou a homofobia e a intolerância da população. Com isso, Milk tornou-se mártir do moderno movimento homossexual.


Oscar de Melhor Documentário em 1984.25/09 -


sexta - Est Barra Point 2 - 20h1526/09 -


sábado - Estação Botafogo 1 - 23h59 28/09 -


segunda - Estação Ipanema 2 - 22h3001/10 -


quinta - Cine Glória - 14h e 18hFantasmaA artista alemã Sophie vê seu mundo balançar com a morte de Ai-ling, sua namorada taiwanesa. Para lidar com sua dor realiza uma vídeo-instalação dedicada a Ai-ling e viaja para Taipei para exibi-la. Lá é abordada por Mei-li, jornalista inconveniente que a leva para uma volta pela noite e tenta seduzi-la, sem sucesso. De volta à Alemanha, Sophie é um dia surpreendida por Mei-li, que bate à sua porta. Cedendo ao charme da jornalista, ela logo descobre que a moça na realidade não trabalha para veículo algum e está investigando a morte de Ai-ling por conta própria.


26/09 - Sábado - Estação Ipanema 2 -


22h5027/09 -


Domingo - Est Barra Point 2 20h15 28/09 -


Segunda - Estação Botafogo 1- 23h5930/09 -


Quarta - Cine Glória - 14h30/09 - Quarta - Cine Glória -

18hÁrvores com FigosO canadense Tim McCaskell sofre de AIDS há 25 anos e é um dos fundadores da campanha AIDS Action Now. O sul-africano Zackie Achmat, também soro-positivo, fez greve de tratamento em 1999 até que os remédios fossem disponibilizados para toda a população. Os dois, cujo heroísmo se aproxima da santificação, recebem o apoio de Sta. Teresa de Ávila, de um esquilo albino cantor e de Gertrude Stein, que deseja escrever para eles uma ópera. Junto a esta narrativa surrealista, entrevistas e materiais de arquivo dos dois ativistas compõem um ensaio operístico de grandes evocações.3


30/09 - quarta - Estação Ipanema 2 - 22h3001/10 -


Quinta - Est Barra Point 2 20h02/10 -


Sexta - Estação Botafogo 1- 23h5904/10 -


Domingo - Cine Glória - 14h e 18h An Englishman in New York Após escrever um livro de memórias em 1968, o escritor inglês Quentin Crisp foi propulsado à fama. Sua celebração da homossexualidade, o exibicionismo desafiador e o inconformismo o transformaram num ícone. Em 1981, aos 72 anos, vai morar em Nova York. Logo torna-se popular no círculo gay nova-iorquino. No entanto, o período de adulação é curto. Com a ascensão da AIDS, seus comentários incisivos e sarcásticos provocam uma enorme polêmica a atraem diversos inimigos.


Baseado na vida de Quentin Crisp e continuação do telefilme The Naked Civil Servant (1975), com o mesmo ator, John Hurt. 29/09 -


Terça - Estação Ipanema 2 - 22h3030/09 -


Quarta - Est Barra Point 1 - 20h1001/10 -


Quinta - Estação Botafogo 1 - 23h5903/10 -


Sábado - Cine Glória - 14h e 18hO fim do amorMing é um jovem gay cuja mãe cometeu suicídio após pegá-lo na cama com o namorado Yan. Ao deixar o apartamento em que morava com ela, Ming aluga um quarto na casa de Cyrus, que vive entregue a festas e drogas. Embarcando no estilo de vida do companheiro, ele passa também a se prostituir. Quando Yan descobre, ameaça romper com ele, mas termina voltando atrás. Seu impulso de salvar o jovem amante o leva a chamar a polícia, fazendo com que Ming seja preso e levado a um centro de reabilitação cristão. Lá ele conhece Keung, ex-viciado em heroína, e os dois iniciam uma forte amizade.25/09 -


Sexta - Estação Botafogo 1 - 23h5927/09 -


Domingo - Estação Ipanema 2 - 22h3029/09 -


Terça - Cine Glória - 14h e 18h 30/09 -


Quarta - Est Barra Point 2 - 20h15Ander Ander, fazendeiro quarentão, leva uma vida rotineira e estável. Ele mora com a mãe e a irmã numa área remota do País Basco, e passa seus dias entre o emprego numa fábrica de bicicletas e o trabalho no campo. Quando quebra a perna em um acidente, decide contratar José, um imigrante peruano, para ajudar no serviço. Em pouco tempo, os dois homens transformam-se em grandes amigos, e Ander descobre sentimentos que até então desconhecia. Ele vê seu relacionamento com amigos e parentes ser alterado, e precisa decidir se deseja realmente incluir José em sua vida. Exibido em Berlim 2009

EUA: Jovens LGBT não se assumem no trabalho


Human Rights Campaign Foundation, entidade internacional de defesa dos direitos humanos, publicou um relatório apontando que 51% dos LGBT americanos ainda escondem sua orientação sexual no ambiente de trabalho. Entre os jovens, a taxa dos que preferem continuar no armário para companheiros de profissão é ainda maior. Apenas 5% dos entrevistados com idades entre 18 e 24 anos são assumidos no trabalho. A mesma pesquisa traz um dado animador: o número de empresas que investem na integração LGBT pulou de 13 em 2002 para 305 neste ano.

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Bruno Gagliasso recusa convite para viver gay no cinema


O ator Bruno Gagliasso foi convidado a viver um personagem gay nos cinemas, mas recusou a proposta. O próprio ator afirmou a jornalistas em um evento de moda no litoral paulista que o convite seria para interpretar o papel de um jovem que se envolve com um homem mais velho. "Recebi o convite sim, mas é algo que eu não quero porque eu já fiz. É maravilhoso ver o assunto sendo abordado, só faz com que as pessoas cresçam. Sou contra o preconceito". Bruno Gagliasso foi o homossexual Junior na novela América.

Parada do Orgulho LGBT de Rio Branco reúne cerca de 60 mil pessoas


Do pequeno estado do Acre vieram Chico Mendes, Senadora Marina Silva, Senador Tião Viana e a novelista Glória Perez entre dezenas de outros famosos em todas as áreas. O Acre tem um histórico de tolerância pela diversidade muito dificil de ser visto em outros lugares. Dizem que tudo começou com a colonização do Estado em sua maioria nordestinos, conhecidos como soldados da borracha, porque acharam melhor extrair látex na floresta Amazônia do que lutar na Segunda Guerra Mundial. Como naquela época era rara a presença de mulher nos seringais, em noite de festa os homens dançavam com outros homens. As noitadas foram batizada de “Forró das Quatro Bolas”.Deve ser por isso que a Parada LGBT de lá é uma das maiores do país, animada e pacífica. O agito começa uma semana antes, intitulada Semana da Diversidade, com uma programação extensa: Palestras, oficinas, exibição de filmes, lançamento de livros, peças teatral, feiras, shows e muita baladas, é lógico. Esse ano a Semana tinha como tema: “Escola sem Homofobia”.No sábado, 19, na mega festa pré-parada na boate Excalibur, houve a eleição da Rainha da Parada, presença do Go-go boys e as devastadoras Las Bibas From Vizcaya , que fizeram um dj set de quase 2 horas para um público sendento de boa música. A empolgação foi tanta que Dolores ainda fez um mini live improvisado ao final do dj set e confessou ter sentido a melhor vibe em anos de cabine.Toda programação termiou com uma enorme festa de rua, de que participaram do recém-nascido até senhores e senhoras da terceira idade. Esse ano participaram mais de 60 mil pessoas, em uma cidade com pouco mais de 400 mil habitantes. Número impressionante. O percurso é enorme: sai do Calçadão da Gameleira e termina no Estacionamento da Arena da Floresta, uma manifestação de mais de 6 km. No estacionamento da Arena aconteceu o show da cantora Preta Gil, que simplesmente arrasou. È dela a frase: "Esperei sete anos da minha vida por esse momento, cantar para 60 mil pessoas, o maior público de toda minha vida."Sem a ajuda do Governo do Estado, prefeitura de Rio Branco, Assembléia legislativa, deputada federal Perpétua Almeida e vereadora Ariane Cadaxo, que apoiaram a Associação dos Homossexuais do Acre – AHAC, nada disso teria sido possível.E que venha mais!

Cangagay


Organizada por cangaceiros gays, Parada de Serra Talhada será a primeira do sertão nordestino


Vestidos como cangaceiros, mas com trajes cor de rosa, integrantes do bloco Cangagay estão se preparando para realizar o que será a primeira Parada Gay do sertão nordestino. A parada de Serra Talhada, a 420 quilômetros da capital Recife está marcada para o dia 3 de outubro e vem dividindo opiniões na região, considerada tradicionalista e conservadora. Representantes religiosos da cidade já se posicionaram contra o evento. Na opinião do pastor Francis Alencar, da Igreja Batista Brasileira, "homossexualismo" é pecado e os gays não deveriam usar o arco-íris como símbolo porque "são todos monocromáticos e não respeitam a opinião dos outros." Já o padre católico Gilvan Bezerra parece ceder à pressões da elite local e disse que seria melhor se a parada não acontecesse. "As famílias mais tradicionais da região têm se manifestado contra.", disse ao Diário de Pernambuco.No entanto, a população de Serra Talhada parece estar aberta a ver o evento passar. Em enquente promovida por uma rádio local, a maioria esmagadora dos ouvintes disse ser favorável à realização da Parada. O desfile do orgulho LGBT em Serra Talhada é mais que conveniente. A cidade é uma das poucas no Nordeste a contarem com uma lei contra homofobia. Tudo bem que o texto foi proposto por Éliton Oliveira, que hoje se considera ex-gay e comanda um programa de rádio evangélico, mas tá valendo. Éliton, aliás, disse ser contra a parada. "Deus ama o homossexual, mas abomina as suas práticas. Eles só querem dançar e aparecer."

Thiago Silvestre


Mato Grosso ganhou dois dos três concursos que escolheram o gay mais preparado e bonito do Brasil. O vencedor deste ano, Thiago Silvestre, é um estudante tranquilo que acredita que a visibilidade trazida pelo prêmio pode ajudar a diminuir preconceitos.

ABGLT pede apoio de Dilma Rousseff à causas LGBT


A ABGLT divulgou nesta quinta, 24, um ofício solicitando audiência com a Ministra-Chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. A entidade vai pedir que a ministra apoie os projetos em lei que tratam da cidadania LGBT e que se encontram atualmente tramitando no Congresso Nacional. Além disso, a ABGLT pede uma força para a implementação efetiva do Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT.

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

TRAVESTIS E TRANSEXUAIS DA REGIÃO SUL DEBATEM EM CURITIBA POLÍTICAS PÚBLICAS


Saúde, segurança, educação, trabalho e emprego são os temas do 6° Encontro Regional Sul Para Travestis e Transexuais, que começa nesta quinta-feira (24) e vai até domingo (27). O encontro será aberto às 18 horas desta quinta-feira por lideranças do movimento de Travestis e Transexuais, LGBT e autoridades. "É um encontro fundamental para debatermos segurança, e a promoção da saúde e oportunidades de trabalho e emprego para as pessoas trans do sul", diz Carla Amaral, presidente da ONG Transgrupo Marcela Prado que organiza o evento. Na abertura serão homenageadas as travestis que foram assassinadas no Paraná em 2009. O evento acontecerá no Hotel Paraná Suíte. (programação abaixo). O objetivo do encontro é contribuir na construção de políticas públicas para a população de travestis e transexuais do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O encontro regional antecede o encontro nacional ENTLAIDS - Encontro Nacional de Travestis e Transexuais que Atuam na Luta contra a AIDS, que acontecerá em dezembro no Rio de Janeiro. Outro tema importante que será debatido é a exclusão escolar das travestis e transexuais "O poder público, as escolas e principalmente os e as profissionais de educação têm o poder de difundir informações que combatam a discriminação e a transfobia no ambiente escolar e é importante que se faça isso, e que todas as pessoas trans, movimento LGBT e defensores dos direitos humanos, ajudem a divulgar e a conscientizar a sociedade sobre tão importante assunto", afirma Rafaelly Wiest, presidente do Grupo Dignidade e Diretora de Mulheres da ANTRA – Articulação Nacional de Travestis e Transexuais. No domingo (27) as participantes do encontro participarão da Parada da Diversidade LGBT de Curitiba que acontecerá a partir das 13 horas na Praça 19 de Dezembro – www.paradadadiversidade.org.br.

MARCA DE REFRIGERANTES PARA COMUNIDADE GAY PATROCINA MATADOR `´TOUREIRO´´


A empresa espanhola "Gay Up", marca de bebidas dietéticas destinadas à comunidade gay, será patrocinadora do matador (toureiro) Joselito Ortega pelos próximos três anos divulgou a taurodromo.com.Será a primeira vez na história da tauromaquia que um toureiro pisará a arena com publicidade no capote e muleta e a sua primeira apresentação será na província de Malaga, onde a própria marca organizará um espetáculo taurino, que pretende seja "um acontecimento internacional e social".Os objetivos da empresa passam por revolucionar o mundo taurino em seu acesso restrito mudando assim a imagem da tauromaquia, que deverá caminhar no sentido da renovação e abertura ao mercado, tal como aconteceu com o futebol."A nossa pretensão é que Joselito Ortega se converta numa figura máxima do toureiro e um ícone para os milhões de gays que amam a Festa, quer na Espanha quer fora dela" afirma o representante da marca.Terrón será então o apoderado de Joselito Ortega para as próximas temporadas em que abraça este desafio.Joselito Ortega considera o patrocínio da "Gay Up" uma oportunidade para a sua carreira e aceita com naturalidade poder converter-se num símbolo para a comunidade gay.O diestro espera a opinião dos críticos taurinos e prevê uma controversa polêmica entre a sociedade moderna e a mais tradicional e fechada que normalmente acompanha o mundillo.

Parada gay da Sérvia é cancelada por falta de segurança


A Parada Gay de Belgrado, na Sérvia, que seria realizada neste domingo, 20, foi cancelada depois que autoridades do país afirmaram que não poderiam garantir a segurança dos participantes. Segundo o primeiro ministro Mirko Cvektovic, a polícia recomendou a suspensão do evento por conta de inúmeras ameaças feitas por grupos extremistas.A mudança no local do desfile chegou a ser cogitada, mas a militância resistiu alegando que "paradas do orgulho LGBT são tradicionalmente realizadas nas principais ruas das cidades". A primeira e única parada sérvia foi realizada em 2001.

Governador do MS chama ministro do Meio Ambiente de ``VIADO´´ e diz que o ESTUPRARIA em praça pública


O governador do Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), chamou o ministro do Meio Ambiente Carlos Minc de "viado" durante um evento realizado nesta terça, 22. Pucccinelli estava reunido em seu gabinete com empresários do setor agrícola e discutia o uso de terras da Bacia do Alto Paraguai para plantio de cana, projeto do qual é defensor. O governador lembrou que Carlos Minc é autor do Zoneamento Agroecológico da Cana, que veta a Bacia do Alto Paraguai para este tipo de cultivo, e não poupou o veneno: "O ministro é viado e fuma maconha." De acordo com o portal Midiamax, os impropérios foram repetidos diante de jornalistas. E o governador linguarudo foi além. Meio que em tom de brincadeira, disse que estupraria Carlos Minc. Ao ser informado sobre a Meia-Maratona Internacional do Pantanal, marcada para 11 de outubro, Puccinelli perguntou se o ministro participaria. "Eu o alcançaria e estupraria em praça pública", zombou.

GRUPO GAY ``GLAAD´´ ELEGE OS CANAIS DE TV MAIS GAY-FRIENDLY


A associação norte-americana GLAAD (Gay & Lesbian Alliance Against Defamation) acaba de publicar seu importante estudo anual sobre a quantidade, qualidade e diversidade das representações de pessoas GLBTs na televisão e elegeu a HBO como o canal mais friendly publicou o Central de Notícias Gays.Além dela, mais outros três canais norte-americanos de televisão receberam menção positiva no estudo. A HBO lidera a lista friendly com a marca de que em 42% de seus programas figuram personagens GLBT, o que significa um aumento de 1% com relação ao ano passado (41%).Os destaques da programação da HBO, segundo a entidade, são os programas “True Blood” e “The Nº 1 Ladies' Detective Agency” por apresentarem personagens Homossexuais de vários meios sociais.A poderosa ABC também aparece na lista, principalmente por “Brothers & Sisters”, “Grey’s Anatomy” - que conta com um personagem fixo que é Bissexual – e “Modern Family” e seu casal Gay.O canal The CW também ganhou a menção de “Bem” pelo programa “America's Next Model” e suas candidatas Bissexuais e Transexuais. Já a Fox recebeu a menção de “Correta” por aumentar de 4% para 11% a presença de personagens GLBTs em sua programação.“Fracasso” foi a menção que as redes NBC e CBS receberam por causa de representações distorcidas e estereotipadas em seus programas.Mas a NBC promete mudar isso com a entrada de uma personagem Lésbica no seriado de sucesso “Heroes” e com o drama policial “Southland”.

BEIJO GAY DE JOGADORES NA HONDURAS TEM REPERCUSSÃO MUNDIAL


A liga de futebol de Honduras tem dado o que falar a nível mundial, não por algum gol espetacular, nem por uma jogada fora do comum, mas pelo beijo gay dos jogadores da equipe Vida, Brayan Beckeles e Orlin Peralta. Dessa vez não teve como negar. Os vídeos e fotos mostram o exato momento em que os jogadores se abraçaram e se beijaram logo depois de um gol da equipe publicou o Toda Forma de Amor. "Brayan estava me apoiando porque fazia dias que não jogava. Quando saí para comemorar o gol, ele me abraçou e disse: ´Está vendo louco, com garra e dedicação se pode tudo`" disse Peralta. O jogador Beckeles deixou claro que ele e o colega não têm nenhum vínculo sentimental, não sendo casados nem tendo filhos. Ele também negou o beijo. "Estou um pouco preocupado pelo que foi publicado e ainda mais pela foto se ela pode nos prejudicar na relação do trabalho ou familiar" disse Beckeles à imprensa de Honduras. "Eu sei que, em nenhum momento, beijei meu companheiro, nem nunca vou beijar um homem como eu. É tudo um mal entendido" explicou também Beckeles.

CENTRO DE APOSENTADOS E PENSIONISTAS GAYS É CRIADO NA ARGENTINA


A partir deste mês os idosos gays e lésbicas podem compartilhar experiências de identidade e participar de diversas atividades no Centro de Aposentados e Pensionista Gays e Lésbicas criado na Argentina. Segundo o Toda Forma de Amor, o centro é destinado a homens e mulheres com mais de 65 anos com orientação sexual diferente e até para héteros também. "As atividades previstas para os finais de semana são oficinas culturais, ginástica ou ioga. Além disso,a idéia é viajar com o grupo" disse a psicóloga Graciela Balestra. A idéia do centro é trabalhar o emocional dos homossexuais sexagenários com um lugar que eles possam falar a vontade da sua sexualidade. "A verdadeira importância de ter um lugar assim é para falar sem medo daquilo que segrega e discrimina essas pessoas" disse a psicóloga Silvina Tealdi.

ADVOGADA DIZ QUE MÉDICO E ANNA NICOLE SMITH É GAY


Dr. Sandeep Kapoor é acusado de ter mantido relações sexuais com a modelo que morreu em 2007, vítima de overdose.Segundo a Abril.com, a advogada do médico que tratou a modelo Anna Nicole Smith diz que o Dr. Sandeep Kapoor é abertamente gay e está indignada com o mandado de busca que investiga um suposto relacionamento sexual com Anna Nicole. Ellyn Garafalo disse nesta terça-feira (22) Kapoor nunca teve uma relação sexual ou social com a sua paciente e uma foto em que aparecem juntos é, na verdade, uma celebração do orgulho gay que ambos participaram. Garafalo disse que a confusão é um exemplo dos erros que permearam a decisão de processar Kapoor por dar medicamente controlados para a modelo. Smith morreu aos 39 anos, em fevereiro de 2007, poucos meses depois da morte de seu filho de 20 anos, Daniel, também por uma combinação letal de drogas.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

TRAVESTI REVELADA NO PROGRAMA ``ÍDOLOS ´´QUER FAZER CIRURGIA PARA MUDANÇA DE SEXO


A cearense Lívia Mendonça, 20 anos, surpreendeu a todos no programa ‘Ídolos’, da Record, pela voz, parecida com a da cantora Maria Bethânia, e pelas revelações sobre sua vida pessoal. Travesti, ela passou a se vestir de mulher quando tinha de 12 para 13 anos e nunca se interessou por meninas. “Não tive curiosidade e nunca vou ter. Deus me livre, abomino. Meus órgãos podem até ser masculinos, mas meu interior não é. Quero fazer cirurgia de sexo para me sentir completa”, diz ela.Segundo O Dia Online Livia acredita que, mesmo eliminada, o programa da Record pode lhe abrir portas. E já abriu. A cantora tem vídeos no YouTube com mais de 300 mil acessos em que interpreta as músicas ‘Negue’ e ‘Onde Estará o Meu Amor’ de Maria Bethânia. “Quando se é bom não importa raça, sexo ou religião”, simplifica.Fã de Maria Bethânia, Lívia diz que conheceu a obra da cantora ainda criança, mesma época em que percebeu que era gay. “Aos cinco anos, olhava para os meninos e sentia atração, mas morria de vergonha”, lembra, ao dizer que hoje tem apoio da mãe.Mas Lívia lembra situações preconceituosas que já enfrentou: “Descobriram uma mancha no meu pulmão e acharam que era pneumonia. Quando souberam que eu era travesti, me transferiram do quarto feminino para o masculino. E depois ainda viram que a mancha era meu silicone. Além de erro médico, foi a pior situação de preconceito que enfrentei na vida”.

SENADOR AMERICANO HOMOFÓBICO POSSOU NU


As terras do Tio Sam sempre rendem assuntos modernos e inusitados. A última, o senador republicano de Massachusetts Scott Brown, que concorre a assento no conselho fiscal deixado pelo senador Ted Kennedy e, de acordo com a revista gay Advocate, não apóia o movimento LGBT, posou nu para a revista Cosmopolitan em 1982 informou o tolloka.com. “Alguns leitores da revista Gaggle podem se lembrar do senador como o pai da concorrente ao American Idol Ayla Brown. Mas outros podem se lembrar dele como o homem nu do poster central da Cosmopolitan de 1982, descoberto pela revista Wonkette em 2007”, ironiza a Newsweek.Quando tinha 22 anos, Brown venceu o concurso de Homem mais Sexy da América, promovido pela Cosmo. O então estudante de direito do Boston College, uma instituição privava mantida por jesuítas, faturou mil dólares com o concurso e disse que investiria o dinheiro nos estudos. Na época, a Cosmo escreveu que o adorável e sexy Brown curtia garotas furtivas e não tinha vergonha de tirar a roupa. “Não tenho vergonha de tirar minhas roupas”, disse à revista. “Eu trabalho duro o suficiente para manter o corpo. Quando você vai à praia, automaticamente olha para os melhores corpos, femininos e masculinos. Por que isso deveria ser diferente em uma revista?”, questionou.Brown hoje é um político conhecido por seu conservadorismo. Atua na política desde 1990. Como senador pelo estado de Massachusetts, desde 2004. Em 2007, Brown votou a favor de uma emenda proibindo o casamento do mesmo sexo.

AUTORIDADES DE MALAWI RECONLHECEM DIREITOS DOS HOMOSSEXUAIS

BANDEIRA DE MALAWI
Representantes do Governo malawiano anunciaram recentemente que há necessidade de reconhecer e aceitar os direitos dos grupos de alta vulnerabilidade para o HIV, o que inclui os homossexuais, se o país quiser alcançar as metas de acesso universal à prevenção, tratamento, suporte e cuidados na área da AIDS.Segundo Maria Shawa, secretária responsável pelo Departamento de Nutrição e AIDS, no Gabinete do Presidente, é preciso que os homossexuais procurem por ajuda para que as pessoas compreendam suas necessidades e desafios. “Eu estou analisando sob o ponto de vista da prevenção, mas o problema é que muitos deles (homossexuais) são também casados com mulheres, o que se torna mais difícil na identificação e no alcance das campanhas”, comentou.Para além dos homossexuais, são considerados de grande vulnerabilidade à infecção do HIV no Malawi as trabalhadoras do sexo, os presidiários e todos aqueles que têm mais de um parceiro sexual sem o uso constante do preservativo.O coordenador do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre o HIV e AIDS no Malawi, Patrick Brenny, ressaltou também que para a redução de novas infecções, é necessário concentrar-se em atividades que protejam os direitos humanos informaram a The Nation e o Criasnoticias.Em Moçambique, a LAMBDA – uma associação de defesa das minorias sexuais – defende a inclusão dos homossexuais como população vulnerável ao HIV no próximo Plano Estratégico Nacional de Combate ao HIV e AIDS.

PARADA GAY REÚNE CERCA DE 50 MIL PESSOAS NO RECIFE


Cerca de 50 mil pessoas participaram da 'Parada Gay', que foi realizada na tarde deste domingo (20), na Praia de Boa Viagem, no Recife. Dez trios elétricos garantiram a animação do público com axé e música eletrônica. Muita irreverência e criatividade nas fantasias marcaram o evento. Esta foi a 8ª edição do encontro.Com o tema “Homofobia dói, machuca e mata”, a Parada da Diversidade aliou diversão à luta pelo fim do preconceito. Este ano a parada percorreu três quilômetros da orla de Boa Viagem.Segundo o G1, os participantes pediram para o Congresso Nacional aprove o Projeto de Lei que torna crime atos de discriminação contra os homossexuais.Fotos: AP Recife / skyscrapercity Em Manaus A organização da 9ª Parada do Orgulho Gay de Manaus informou que cerca de 300 mil pessoas participaram do evento, realizado no Sambódromo, neste domingo.A mudança do local de realização do evento deste ano ocorreu por conta dos danos causados pela cheia deste ano à orla da praia de Ponta Negra, conforme afirmou a presidente da Associação Amazonense de Gays Lésbicas e Travestis (AAGLT), Bruna La Close.

PRÉ-PARADA ABCD’S


ABCD’S “Ação Brotar pela Cidadania e Diversidade Sexual”! lançou oficialmente os 45 dias de atividades LGBT. Como sempre trazendo novidades, ousadia, coragem ,inovando com novidades, com novas parcerias com uma visão na aplicação de humanização e controle social em ações afirmativas. Traz o tema dos 45 dias a reflexão “A Solidariedade na Luta contra a Homofobia! “Aprovação do PLC 122 Já” envolvendo discussão em temas na reflexão da cultura, saúde, educação, trabalho, prevenção, segurança, moradia, direitos, mídia, comunicação etc... 2005 - Realizou a Primeira Parada com 15 dias de atividades LGBT2006 – Realizou a II Parada do Orgulho LGBT- com 30 dias de atividades LGBT ganhando o prêmio Direitos Humanos da Cidade de Santo André2007 - Realizou a III Parada do Orgulho LGBT com 45 dias de atividades – Um ano com apoio do Governo em vários aspectos tivemos projeto aprovado pelo Governo Federal na área da Saúde pelo Programa DST AIDS, indicados para o Premio Santo Dias do Estado de São Paulo – Ganhamos o Premio Palmares.2008 - Realizou a IV Parada do Orgulho LGBT com 45 dias de atividades com muita dificuldade. Ganhando o Prêmio destaque da SECI, Indicados para o premio Direitos Humanos 2008, Indicado ao Premio desempenho da Revista Livre Mercado No ano de 2009 ganhou o Premio Cultural LGBT pegando 3° Lugar no estado de São Paulo, tendo 3 projetos enviados sendo os 3 classificados neste prêmio somente 1 projeto por associação poderia ser aprovado e ganhou com os 45 dias de atividades. Aqui segue abaixo os 45 dias de atividades LGBT 2009 – 1° de Novembro V Parada do Orgulho LGBT de Santo André e região do Grande ABC Paulista – Tema : A Solidariedade na Luta contra a Homofobia “Aprovação do PLC 122 Já!” ABCD’S apresenta trabalho feito em conjunto com à Diretoria ABCD’S - Jovens ABCD’S - Lésbicas ABCD’S - Teatro Popular ABCD’S - Ação ABCD’S equipe de prevenção DST/ Aids - Grupo de Pais e Mães ABCD’S - Travestis e Transexuais ABCD’S em parceria com Departamento de Humanidade da Prefeitura Municipal de Santo André. (Demais agendas dos fins de semana vão ser entregues até o dia 24 de setembro vem muito mais ainda)

PÚBLICO RECORD NA PARADA DO ORGULHO LGBT NO ACRE


Foi um fim de semana de festa e de muita diversidade. Fantasias, purpurinas, paetês e, claro, muita animação, marcaram a 5ª Parada do Orgulho LGBT de Rio Branco. Segundo a Polícia Militar, neste ano o evento reuniu mais de 50 mil pessoas, sendo considerado um recorde de público do evento. O tema adotado nesta edição foi "Pela igualdade de Direitos por uma escola sem homofobia". Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transsexuais saíram às ruas pedindo igualdade de direitos. "Todos temos direitos iguais, temos direito à opção que se quer ter, independente de qualquer coisa, todos nós somos filhos de Deus e estamos aí para mostrar que nós somos também homens e simpatizantes", afirma o vendedor David Machado.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Edição 2009 Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus valoriza os gays como tema


1 - O Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus visa estimular novas produções literárias na modalidade Poesia e é dirigido a candidatos de qualquer nacionalidade, residentes no Brasil ou no exterior, desde que seus trabalhos sejam escritos em língua portuguesa.
2 - Inscrição:
2.1 - As inscrições estão abertas até 30 de novembro de cada ano, através dos correios, no seguinte endereço:
Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus, Rua Sargento Camargo, 95-A, São Caetano, CEP 40391-152, Salvador/BA (acompanhada de CD ou disquete com o material inscrito):
ou via e-mail para: valdeck@hotmail.com
Para a edição 2009 sugere-se poemas que valorizem a raça humana (independentemente de cor) e as minorias ( como os gays, bissexuais e travestis ).

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Crystal Chappell lança Venice, nova séria via web


Seriado será produção independente da atriz sobre homossexualidade


Crystal Chappell, atriz que interpreta Olivia no seriado “Guiding Light”, lançará um projeto pessoal na web para tentar reparar os furos de sua relação com Natalia na série. Em “Guiding Light”, o casal Otalia (combinação dos nomes das personagens, apelidado pelas fãs), são mães solteiras da classe média americana que apaixonam-se em meio às rotinas caseiras. Nas telas, o casal beijou-se apenas uma vez, antes mesmo de ter um relacionamento. O celibato velado da relação incentivou Crystal a lançar-se em um projeto solo onde tentará mostrar, sem pudores, as nuances de uma relação homossexual. Este é o pontapé inicial de “Veneza”, série que será transmitida através da web e que, segundo a atriz, será “uma série sobre as famílias, a vida e toda a simplicidade e turbulência da mesma. Nós acompanharemos uma personagem chamada Gina, que é designer e homossexual”.Venice terá outros atores de “Guiding Light” incluindo Jessica Leccia (Natalia Rivera), Jordan Clarke (Billy Lewis) e Daniel Cosgrove (Bill Lewis). A série também contará com as atrizes Hilary B. Smith interpretando Guya e Elizabeth Keener (The L Word) como Lara.No site do seriado, a produção explora todo o potencial de interatividade que a web oferece. Lá, futuros telespectadores (ou webespectadores?) podem opinar sobre como o seriado será transmitido e até enviar composições próprias para comporem a trilha sonora da série. Segundo entrevista para o New York Times, Crystal afirma que nenhum participante da série terá, por enquanto, remuneração. "Não posso pagar-lhes nada", contou aos atores. "Que tal isso como ponto de partida?" (segundo Chappell, ela vai pagar pela alimentação e transporte).O equipamento de filmagem foi doado por amigos. E suas sócias da recém-formada Open Book Productions - Kim Turrisi, roteirista de Venice e Hope Royaltey, diretora da série - também estão doando seus serviços. Acompanhe as novidades no endereço: www.venicetheseries.com/index.php.

Cauã Reymond viverá homossexual em filme de Toni Venturi



Cauã Reymond viverá um homossexual num filme dirigido por Toni Venturi, que esteve a frente do longa Cabra-Cega. A informação veio do próprio Cauã, durante um evento realizado pela Bombril na última quarta-feira, 16 de setembro, em São Paulo. As filmagens do filme, ainda sem nome definido, devem começar em outubro próximo.

1º Passeio Ciclístico da Diversidade Sexual é adiado para novembro


O 1º Passeio Ciclístico da Diversidade Sexual de São Paulo, que seria realizado neste sábado, 19 de setembro, foi adiado para novembro, com data ainda a ser definida.Segundo comunicado oficial da São Paulo Gay Bikers e divulgado pela Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual, a mudança aconteceu devido à à grande quantidade de eventos da Virada Esportiva 2009 da cidade, que impossibilitaria o apoio logístico da CET (Companhia de Engenharia de Tráfefo). A consequência disso seria “a perda de patrocínios, apoios, a impossibilidade de uma divulgação adequada e a desistência de inscritos”.O roteiro do passeio, com aproximadamente 17 km, inclui pontos turísticos e históricos do centro de São Paulo.

Seis em cada dez homossexuais de Belém já foram vítimas de agressão devido a orientação sexual



Divulgada recentemente, uma pesquisa feita na Parada do Orgulho LGBT de Belém do Pará de 2008 revelou que sete em cada dez homossexuais já se sentiram discriminados, o que representa 71,4% dos entrevistados. Mais impressionante é que 59,9 % dos entrevistados, ou seja, seis entre dez, já foram vítimas de agressão por conta da orientação sexual.
Realizada pelo Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos, a pesquisa revelou com precisão o tipo de agressão sofrida a partir das categorias “agressão física”, “agressão verbal”, “ameaça de agressão”, “Boa Noite Cinderela”, “violência sexual” e “chantagem ou extorsão”. Os cenários das agressões também foram divididas por escola, o ambiente de trabalho, delegacias, comércio, locais de lazer, igreja etc. E o resultado disso foi que 50% dos (as) entrevistados (as) afirmaram terem tido tais experiências em locais públicos, 23,3% em casa, 10,2% na escola ou faculdade, 6,8% em estabelecimentos comerciais e 2,8% no trabalho.
Outro fato que chamou a atenção é que o estudo coordenado pelos antropólogos Sérgio Carrara (CLAM/IMS/UERJ) e Cristina Donza (UFPA) revelou que 40,3% dos que foram agredidos jamais relataram a agressão por vergonha ou medo. “Os dados coletados na Parada LGBT de Belém confirmam a tendência apontada em nossas pesquisas anteriores: as agressões, ainda que graves, dificilmente são denunciadas a alguma autoridade e podem jamais serem contadas a qualquer pessoa, nem mesmo a amigos e familiares”, afirmam os coordenadores do estudo.

Alunos e professores de Comunicação da UFMG criam programa de rádio LGBT


Professores e alunos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) se uniram para produzir um programa de rádio que pretende dar visibilidade à vida LGBT de Belo Horizonte e combater a homofobia.
Batizado como o nome Do Babado, o programa surgiu de uma ideia de dois professores da Faculdade de Comunicação da universidade, Bruno Leal e Carlos Mendonça, que também fazem parte do Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania LGBT da UFMG. O programa ainda conta com a apresentação e produção das alunas de Comunicação Social Lívia Aguiar e Éthel Braga.
Em entrevista ao G Online, Bruno Leal contou que foi a partir de uma pesquisa sobre a abordagem do tema LGBT pelos veículos de comunicação brasileiros que surgiu o alerta sobre a necessidade de programas que tratassem a diversidade com mais cuidado: a pesquisa revelou que os jornalistas da grande imprensa tendem a ficar "no lugar comum" e, muitas vezes, não dão voz ativa à comunidade LGBT.
“Nosso programa é jornalístico e bem humorado sem ser humorístico. Com duração de 15 minutos, todo programa é embasado em uma pesquisa que diz respeito à comunidade gay”.O tema do primeiro programa, que foi ao ar no dia 12 de setembro, abordou os lugares de sociabilidade gay em Belo Horizonte desde o final do século XIX até hoje. Toda edição traz ainda duas músicas relacionadas ao tema.
Transmitido pela 104,5 FM em Belo Horizonte, o programa vai ao ar todos os sábados às 20h, com reprise as quintas-feiras, à meia-noite.

Reality show americano terá casal gay e jurado assumido



O reality show de dança So You Think You Can Dance colocou um casal latino formado por dois homens para participar da sexta temporada do programa e também um jurado gay assumido, Adam Shankman, diretor do filme Hairspray (versão 2007). Um dos motivos da produção parece ser fazer as pazes com a comunidade gay norte-americana, diante da repercussão do que o produtor e jurado Nigel Lythgoe disse, no ultimo mês de maio, a um casal homossexual participante: “seu samba provavelmente iria afastar muito dos cinco milhões de telespectadores do programa". Logo após, Lythgoe fez uma brincadeira no Twitter e escreveu não ser fã de “Brokeback Ballroom”. A mensagem motivou uma ação da Aliança de Gays e Lésbicas Contra Difamação (GLAAD), um encontro entre o jurado e executivos da TV Fox e resultou em um pedido oficial de desculpas.Jarrett Barrios, presidente da GLAAD, declarou na última quinta-feira, 17 de setembro, que o novo casal homossexual e a inclusão de Shankman no reality "dá aos Estados Unidos um exemplo corajoso de como tratar os gays com o mesmo respeito que qualquer outra pessoa".

Ministro da Ucrânia muda de opinião e diz que Elton John pode ter a guarda do bebê Lev


Após negar a Elton John a adoção de um bebê soropositivo de apenas 14 meses devido o astro ser “muito velho” e manter um casamento homossexual, o ministro da Família, Juventude e Esportes da Ucrânia, Yuriy Pavlenko, voltou atrás em sua decisão e declarou nesta última quinta-feira, 17 de setembro, que o cantor poderá ter a guarda do menino Lev.Diferente da adoção, no entanto, Elton John poderá apenas ter a guarda provisória da criança. “Sir Elton tem o direito e a chance de convidar a família do garoto para visitá-lo, e pode ter sob seus cuidados a guarda do menino, ajudando-o a crescer e se tornar uma boa pessoa”, declarou Pavlenko.O ministro ainda acrescentou: “Eu gostaria de pedir a todos que sejam tolerantes. Este menino não é um órfão - a criança tem uma mãe e um irmão mais velho. Ele tem um destino difícil, como o de sua mãe, que está recebendo ajuda. Tenho certeza que em breve esta família será unida. Vamos ajudar a mãe a encontrar forças".
Impedimento
A polêmica em torno da adoção do menino Lev começou no último dia 12, quando em visita à Ucrânia em nome da Elton John AIDS Foundation, Elton John cantou Circle of Life para crianças em um orfanato da fundação de combate à aids de Olena Franchuk.Durante essa visita Elton e David Furnish se encantaram com Lev e ficaram com a criança no colo. Logo depois, ao ser perguntado se tinha vontade de adotar uma criança o pop star respondeu: “Tendo visto Lev hoje, eu adoraria adotá-lo. Eu não sei como faríamos isso, mas ele roubou meu coração e roubou o coração do David. Eu mudei de ideia hoje", complementou.Antes, porém, de entrar com um pedido formal de adoção, o cantor levou um balde de água fria quando no dia 14 Yuriy Pavlenko disse que não havia possibilidade do astro adotar, já que pela legislação do país os pais adotivos devem ter menos do que 45 anos no momento da adoção e devem ser casados com uma pessoa do sexo oposto."

Pecador

"Se não bastasse o aval negativo do ministro da Ucrânia, a vontade de Elton de adotar levantou a ira de religiosos da Igreja Ortodoxa do país, que o chamaram de pecador. "Existem pessoas que fingem ter boas intenções, criam semi-casamentos e os chamam de família para depois tentarem adotar crianças. (...) Isso é definitivamente um pecado, não há outra palavra para isso, e a igreja nunca concordará que essas pessoas que criaram um ‘casamento’ gay possam adotar crianças. Isso inclui todos, inclusive Elton John. Ele é um pecador", declarou no início da semana o padre Georgy Gulyaev.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Maratona em Curitiba tem voleibol drag e corrida de revezamento de camisinha

12ª Parada do Orgulho LGBT de Curitiba será realizada no dia 27 de setembro

Uma partida de voleibol com drag queens e uma corrida de revezamento de camisinha serão destaques do evento chamado Maratona da Diversidade, organizada pela Associação Paranaense da Parada da Diversidade – APPAD com colaboração de esportistas, neste domingo, 20 de setembro, em Curitiba.
O evento antecede a Parada do Orgulho LGBT de Curitiba, que será realizada no dia 27 de setembro. “Temos que incentivar a comunidade gay a praticar esportes e essa maratona contribuirá para darmos visibilidade a atletas LGBT e pessoas aliadas que praticam atividades esportivas sem preconceito”, diz Gilson Cortes, assumido ex-jogador profissional de vôlei.
Além da partida de vôlei e revezamento de camisinhas, outras provas que prometem animar o evento são o arremesso de bolsas e a corrida de salto alto. As inscrições para os jogos alternativos são limitadas e podem ser feitas com antecedência por e-mail: appadpr@yahoo.com.br, ou pelo tel.: (41) 3222-3999 ramal 29.

PROGRAMAÇÃO:

13h30 às 14h30 - Arremesso de bolsas 14h30 às 15h30 – Corrida de revezamento de camisinhas 15h30 às 18h30 – Voleibol 18h30 – Corrida com “salto de alto” 19h - EncerramentoServiçoMaratona da DiversidadeOnde: Praça Oswaldo Cruz. Avenida Visconde de Guarapuava, 3698 – Centro.

Promotora denuncia quadrilha por explorar travestis no Rio de Janeiro


Uma quadrilha formada por seis pessoas foi denunciada com pedido de prisão preventiva por explorar travestis nos calçadões do bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro. A denúncia feita pela promotora Ana Lúcia Melo, da 25ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 1ª Central de Inquéritos, pede a abertura de ação penal contra os acusados por "rufianismo", ou seja, por crimes de tirar proveito da prostituição allheia, tráfico interno de pessoas para fins de exploração sexual e submissão de criança ou adolescente à prática da exploração sexual.Cinco integrantes da quadrilha já haviam sido presos temporariamente no último dia 8 de setembro, durante uma operação chamada Babilônia II. A quadrilha opera desde agosto de 2002 e, segundo a denúncia, "tinha total controle de toda a prostituição feita por travestis em Copacabana", exigindo mediante ameaças o pagamento de R$ 50 a R$ 150 por semana, em troca da "autorização" para se prostituir no bairro. No caso de descumprimento das regras impostas, cobravam-se "multas" de R$ 500 a R$ 1.000. Acredita-se que grupo explorava entre 60 e 120 travestis, dependendo da época do ano. Entre as vítimas da exploração sexual havia várias adolescentes. Os denunciados traziam muitas travestis de Minas Gerais e São Paulo que eram "alojados" em um apartamento na Avenida Princesa Isabel e cada uma pagava entre R$ 10 e R$ 30 pela vaga.

MR. GAYS CHILENOS POSAM PARA FOTO EM FRENTE AO PALÁCIO PRESIDENCIAL


Os candidatos a Mister Gay Chile 2009 posaram, nesta segunda-feira 14/09, em frente à sede do governo chileno, o Palacio de la Moneda.Eles vestiam um traje típico de “huaso” (uma espécie de camponês) e seguravam a Bandeira do Arco-Íris, símbolo do Movimento GLBT informou a Central de Notícias Gays.Os rapazes que passarem à próxima fase, desfilarão na Parada do Orgulho do país, que acontece todos os anos em novembro.A segunda edição do concurso tem como objetivo demonstrar a diversidade da Comunidade Gay.O vencedor levará um prêmio em dinheiro no valor de 1 milhão de pesos (algo em torno de R$ 3.300).

PROJETO PURPURINA LANÇA CINE PURPURINA


O amor incompreendido entre dois jovens, vizinhos, colegas e gays é o enredo que se passa no longa-metragem Delicada Atração. Para os românticos e cinéfilos de plantão, o PP, Projeto Purpurina, do GPH, Grupo de Pais de Homossexuais, coloca o filme em cartaz no Cine Purpurina.A primeira edição do Cine será neste domingo, 20 de setembro, no CRD, Centro de Referência da Diversidade. Para incentivar as pessoas a repetirem o programa nas próximas vezes os idealizadores distribuirão pipoca e refrigerante.O encontro do PP é formado por jovens que buscam discutir, de maneira educativa e compreensiva a sexualidade. O objetivo do grupo é elevar a auto-estima, melhorar a sociabilização familiar, além de propor conversas sobre assuntos do interesse dos jovens homossexuais.

MÃE DE INTEGRANTE DE BBB EPANHOU DIZ NA TV QUE O FILHO É TRANSEXUAL


Ele tem 41 anos e se chama Hans. Nasceu em Madri, mas para surpresa de todos, o participante do Big Brother 11 espanhol é transexual e foi a mãe dele que revelou isso em entrevista na TV. "Meu filho é transexual" disse ela. Hans nasceu em Madri e decidiu trocar de sexo há muito anos e tem aparência total de um homem. Ele se define como um homem "que vive a vida e alegre". Também confessou que tem grande atração sexual informou o Toda Forma de Amor. Além de Hans, outros dois transexuais já participaram do programa: Nicki (BBB 6) e Amor (BBB9).

MULÇUMANOS CRIAM SITE DE BUSCA E AVISA QUE ´´GAY´´ É PECADO


As palavras gay e lésbica estão vetadas no novo site de busca lançado pelo Islam. O portal parecido com o Google se chama "ImHalal" e foi criado para evitar que os internautas encontrem material considerado "proibido". Segundo o Toda Forma de Amor, o buscador adverte o usuário sobre o nível de pecado de cada palavra buscada. As bebidas alcóolicas, por exemplo, aparecem no nível 1 de 3. As palavras homossexualidade, gay e lésbica estão no mesmo nível de pecado que "drogas" e "sexo", o nível 2. Por outro lado, a página classifica palavras como "armas" e "terrorismo" no nível 1 de pecado. Ao lançar o portal, o Islam anunciou que criou a página para os "bons mulçumanos" que não querem se deparar com páginas da Internet com conteúdos "proibidos e pecaminosos." O projeto foi criado por uma empresa holandesa e, segundo a companhia, a página é para mulçumanos que desejam navegar e não encontrar nada que contrarie os princípios da religião islâmica.

GOOGLE TIRA BLOG DO ARAPÓS POSTAGEM DE VÍDEO PROÍBIDO DO ´´BBB7´´


O Google tirou do ar o maior blog de imagens de nudez masculina do Brasil. O Famosos Nus estava hospedado no Blogger, que pertence ao Google. A assessoria do Google no Brasil evitou dar detalhes sobre o caso. Apenas explicou que a retirada de qualquer blog do ar acontece após a comprovação de irregularidade informou a Folha Online.Alan Pierre toma banho completamente nu; vídeo sem cortes foi exibido por blog, Entre os problemas mais freqüentes, está a postagem de imagens pornográficas e ilegais. O Famosos Nus costumava publicar reproduções de revistas de nudez e de celebridades. Nos últimos meses, o Famosos Nus postou vídeos de banho e nudez de integrantes do "Big Brother Brasil". As imagens eram captadas diretamente das transmissões do pay-per-view do programa da Globo."BBB7" tem cenas de banho coletivo masculino e nudez do participante desinibido Alan Pierre. Enquanto a Globo colocava tarjas para cobrir os órgãos genitais dos integrantes do "BBB7", o Famosos Nus conseguia postar as imagens sem censura. Os "vídeos proibidos" provocaram uma explosão de acessos do Famosos Nus, que comemorava o sucesso em notas postadas. Até sites estrangeiros reproduziam o conteúdo publicado pelo blog brasileiro."Este blog está sendo analisado devido a possíveis violações do Termos de Serviço do Blogger, e só pode ser aberto pelos autores" é a mensagem que aparece ao se tentar acessar o blog.Na comunidade do Orkut dos fãs do blog, sobraram lamentações. Alguns integrantes alimentam a esperança de que o blog voltará ao ar em outro endereço.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Prêmio destaca empresas que realizam programas de prevenção ao HIV/AIDS

Conselho Empresarial Nacional para Prevenção ao HIV/AIDS [CEN AIDS] está organizando a 5ª edição do Prêmio CEN AIDS no Mundo do Trabalho. As inscrições foram prorrogadas até o dia 15 de setembro, e empresas de todo o país podem se inscrever em uma das quatro categorias: micro (até 19 trabalhadores); pequenas (até 99 trabalhadores); médias (até 499 trabalhadores) e grandes empresas (acima de 500 trabalhadores). O objetivo da premiação é destacar programas de prevenção à AIDS nos locais de trabalho que promovam uma ação sistemática e eficaz frente ao HIV/AIDS, prevenindo e gerenciando o seu impacto trabalho, criando um ambiente laboral sem discriminação ao portador do HIV e ao doente em decorrência de AIDS, como forma de contribuir no enfrentamento desse grave problema. O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis no site www.cenaids.com.br.

Não trabalho com homossexual", diz técnico do Goiás

Hélio dos Anjos, técnico do time do Goiás, resolveu responder de maneira inusitada, e preconceituosa, às críticas sobre a possível queda de rendimento do time após o jogador Fernandão ser incorporado à equipe. "Ficam [a imprensa goiana, os torcedores} pedindo um jogador expoente. Aí quando vem, começam a criticar. O Fernando sei lá o quê, que o grupo está com ciúme. Homem com ciúme é v... Não trabalho com homossexual, trabalho com homem", respondeu o técnico ao ser questionado sobre supostos "ciúmes" dos jogadores em relação a Fernandão, que veio do time gaúcho Internacional. A declaração foi feita após a classificação do Goiás, nos pênaltis, para as oitavas de final da Copa Sul-Americana em confronto com o time do Galo. O time, após a chegada do novo jogador, também caiu do terceiro para o quinto lugar na tabela do Campeonato Brasileiro. Em entrevista à emissora de televisão nesta quinta-feira, 17 de setembro, Hélio dos Anjos, entretanto, tentou "remendar" a declaração, afirmando que trabalharia com um homossexual "que tivesse conduta exemplar".Já em declaração ao programa Globo Esporte, da Rede Globo, também nesta quinta, o técnico voltou à questão de como entende os supostos ciúmes da equipe em relação ao novo jogador: "O que entendo de inveja de homem para homem é frescuragem, v... Você, como homem, ter picuinha com um colega? Isso é frescuragem".

Super Dyke renova-se após aniversário


DJs residentes convidam leitoras do Dykerama para o camarote especial


A festa Super Dyke, única festa semanal para lésbicas que acontece aos sábados na cidade de São Paulo, renova-se após completar um ano.Para comemorar um novo ciclo, as DJs residentes do projeto, Nina Lopes e Cris Villela, convidam 5 leitoras do Dykerama e suas acompanhantes para uma noite inesquecível.No camarote Ultra VIP, localizado na pista do clube, as convidadas poderão desfrutar de espumante, vodka, água ou refrigerante, aperitivos doces e salgados e terão acesso a cabine das DJs, de onde poderão acompanhar de perto como se comanda uma pista.Para concorrer ao acesso VIP do Camarote das DJs, envie um e-mail para redacao@dykerama.com com o seu nome e o da sua acompanhante e aguarde o e-mail de confirmação.Como convidado especial, as residentes recebem o DJ produtor Fabricio Lampa, apresentando-se pela primeira vez na cidade, prometendo versões exclusivas dos maiores sucessos da atualidade.A noite contará ainda com apresentações da drag Thalia Bombinha e um desafio pra lá de sensual com as duas streapers mais gatas das noites paulistanas: Feline e Amanda.Lembrando que mulheres com nome na lista entram free até as duas da manhã. Nomes para a lista podem ser enviados para superdyke@uol.com.br.


Serviço:Super DykeSábado, 19 de setembro a partir das 23h59Rua Marques de Itu, 284Vila Buarque - SP

Assumido metaleiro Rob Halford lançará CD de músicas natalinas


O assumido Rob Halford vai dar um tempo da sua banda de heavy metal Judas Priest para se dedicar a um CD solo. E apenas com canções natalinas. Halford III - Winter Songs terá regravações de canções tradicionais como Oh Holy Night e Come All Ye Faithful e músicas inéditas compostas por Halford que também abordam da época do Natal.As gravações foram realizadas durante 2008 e 2009 e o CD deve chegar às lojas americanas no dia 26 de outubro, pelo próprio selo de Halford, o Metal God Records. O primeiro single do álbum, a música Get Into the Spirit, tem lançamento antecipado, agendado para o dia 29 de setembro nas rádios. Será possível conhecê-la também pelo site do cantor: www.robhalford.com.