VEJA E OUÇA A DEFESA FERVOROSA DO SEGUIMENTO GLS GLBT GLBTT NA VOZ TROVEJANTE DO AMIGO BOCA ABERTA

Loading...
Mande suas críticas e sugestões
amigobocaaberta@gmail.com

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Antony Garotinho diz que deputados evangélicos não vão votar mais nada enquanto kit gay do MEC não for derrubado



O deputado federal Anthony Garotinho, falando em nome da Frente Parlamentar Evangélica da qual é vice-presidente, falou no plenário da Câmara que enquanto o kit “Escola sem Homofobia” não for proibido de ser distribuído para escolas pública, os deputados da Frente Evangélica (cerca de 70 parlamentares), não votarão mais nada na Casa. Ele ainda disse que vem sendo perseguido pelo MEC e pelo Governo Federal por sua oposição ao kit que pretende conscientizar alunos e professores em relação a diversidade sexual. Mas Garotinho e seus deputados evangélicos continuam afirmando que o Kit trata de promover a pedofilia e “acabar com a família brasileira”, também confunde ao dizer que o kit destina-se a crianças de 7 e 8 anos (na verdade, ele será dirigido a adolescentes de 14 a 18 anos). O deputado ainda requer que os vídeos do programa “Escola sem Homofobia” sejam exibidos no telão da Câmara.


pride

Nenhum comentário: