VEJA E OUÇA A DEFESA FERVOROSA DO SEGUIMENTO GLS GLBT GLBTT NA VOZ TROVEJANTE DO AMIGO BOCA ABERTA

Loading...
Mande suas críticas e sugestões
amigobocaaberta@gmail.com

quarta-feira, 27 de abril de 2011

O “casamento do século” que nunca aconteceu



Madonna está em Paris dirigindo o filme 'W.E.' que conta a história do caso de amor que escandalizou a sociedade britânica há 75 anos, entre o Duque de Windsor e Wallis Simpson. A parafernália midiática globalizada e montada para o chamado “casamento do século”, entre o Príncipe William e Kate Middleton no dia 29 de abril de 2011, só está acontecendo porque o seu tio-avô materno Edward Albert Christian George Andrew Patrick David, o Rei Eduardo VIII da Grã-Bretanha e imperador da Índia, chefe dos demais países do Reino Unido e da Igreja Anglicana, abdicou no dia 11 de dezembro de 1936.Depois de breve reinado de dez meses, Eduardo VIII alegou que não poderia carregar a responsabilidade de segurar a coroa e os destinos de sua pátria sem o apoio da mulher que amava. No caso Wallis Simpson, plebeia, americana, duas vezes divorciada e de péssima fama.O ex-Rei tornou-se o Duque de Windsor, um título prêmio de consolação e Wallis, tornada Duquesa, teve seu passado devassado e esmiuçado em livros e artigos.Corriam lendas sobre ela ter sido amante do Marechal Ribentrop, da Alemanha nazista; do ministro da propaganda do governo Mussolini; espiã nazista e da KGB (; lésbica e ninfomaníaca.Também era divulgado que foi prostituta em Xangai. Wallis lá viveu nos anos 20 do século passado e teria aprendido técnicas sexuais que encantavam qualquer homem.A relação íntima do casal era tão fora dos esquadros que chamou a atenção e interesse de historiadores.Philip Ziegler contou, numa biografia de Eduardo VIII, sua tendência sadomasoquista. Adorava ser maltratado e subjugado por Wallis,como havia sido pelas amantes anteriores,Dudley Ward y Thelma Furness.E o escândalo não parou aí. A conservadora sociedade inglesa da época não poderia aprovar o alcoolismo do casal, as festas que, dizia-se, terminavam em orgias e a crescente simpatia pela Alemanha nazista.Um outro biógrafo, Michel Bloch, tentou provar que a Duquesa era um transexual. Havia rumores sobre o enrustimento do Duque e um episódio em sua juventude, em que teria tido um caso com um professor de Oxford.Segredo de sete chavesMas, o grande segredo guardado a sete chaves veio a publico com a edição de “Dancing with the Devil”, do jornalista Christopher Wilson - conhecido por ter dissecado a relação entre a Princesa Diana, o Principe Charles e Camilla Parker Bowles.De acordo com uma empregada da mansão dos Duques no Bois de Bologne, houve um triângulo amoroso formado pelo casal e o playboy americano Jimmy Donahue, um milionário louro, magro e elegante, neto e herdeiro de Frank W. Woolworth um dos homens mais ricos de seu tempo, proprietário de cadeia de lojas Woolworth espalhadas pelo mundo e que- de acordo com o livro, financiava o estilo de vida dos duques exilados, que se tornaram o par mais disputado nas festas do jet set internacional.A Duquesa ficou tão envolvida com o playboy que chegou a pensar em abandonar o marido, mas a responsabilidade histórica de ter causado a abdicação e a mudança dos rumos da Inglaterra não permitiu.****Em 11 de dezembro de 1936, aconteceu o primeiro "Discurso do Rei", feito pelo irmão de Edward que se tornou rei e pai da futura Rainha Elizabeth II. Se desejar testar seu british accent,clique aqui para ouvir. Parece ser de improviso, mas não foi. A emoção (e a talvez o alívio) tornaram a fala bem compreensível .


mix

Nenhum comentário: